12 de nov de 2009

LIVRO INFANTIL CONTA AVENTURA DE MENINA SURDA E PAPAGAIO QUE FALA EM LIBRAS

Cidadania, inclusão e meio ambiente 

Beto JunqueyraO escritor Beto Junqueyra lança o livro ”Os Ecopiratas – Uma aventura em Fernando de Noronha” nesta sábado (14/11), às 16h00, na Escola para Crianças Surdas Rio Branco (Rodovia Raposo Tavares, 7200 km 24 – Granja Viana). As ilustrações são de Eric Gerhard.

Publicado pela Editora Planeta, o livro traz um tipo de personagem normalmente distante das estórias infantis: Trancinha, uma criança surda. Em entrevista ao blog, Junqueyra explicou os motivos que o levaram a abordar a questão da surdez e da inclusão de pessoas com deficiência auditiva.

São Paulo Urgente: Como e por que surgiu a idéia de incluir uma personagem com deficiência auditiva em seu novo livro?

Beto Junqueyra: Tenho um histórico marcante de surdez na família. Todos os meus tios de Uberlândia eram surdos e meu avô perdeu a audição ao final da vida. Eu me sentia um excluído nas férias de criança em Minas. Todos falando LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) e eu não.

Depois, não tinha muita paciência com meu avô quando ele não escutava o que dizíamos. Eu resgatei essa questão na personagem Trancinha, que é surda, e no papagaio Pappo, que também usa LIBRAS - trata-se de uma forte simbologia marcando a LIBRAS perante a criançada - para se comunicar.

SPU: E como a estória se desenvolve? De que forma a LIBRAS é abordada para o público infantil?

Beto Junqueyra: A história retrata dois primos que não se suportavam e vão passar férias em Fernando de Noronha. Naturalmente o menino não gosta da prima porque ela é surda. A menina dá um livreto com sinais de LIBRAS. Ao final da história de mistério em Fernando de Noronha, será esse alfabeto que vai salvar o menino num submarino que está afundando... Abordo também a questão ambiental, na turma “Os Ecopiratas”. O segundo livro será uma aventura no Acre.

Com o livro, além da questão ambiental, procuro mostrar que o surdo é uma pessoa normal e que "escuta" de uma forma especial. Para as crianças surdas, gera mais autoestima. Para as crianças ouvintes, descobrirão o universo dos surdos e a fantástica LIBRAS!

SPU: E qual é a programação do lançamento, na Escola para Crianças Surdas Rio Branco?

Beto Junqueyra:  No lançamento e em alguns eventos e entrevistas, o personagem Pappo estará presente comunicando-se em LIBRAS, manipulado por dois profissionais, sendo um deles uma intérprete de LIBRAS.

Haverá dança de crianças surdas, e demonstração de um vídeo sobre uma casa adaptada para crianças com deficiência auditiva. A coordenadora da escola de surdos, Sabine Vergamini, falará sobre LIBRAS. Todas as crianças desse colégio para surdos estarão presentes. O desenhista Eric Gerhard virá do Rio para mostrar como criou o papagaio.

SPU: Quem tiver interesse em comprar ”Os Ecopiratas – Uma aventura em Fernando de Noronha”…

Beto Junqueyra: O livro está à venda nos sites da www.livrariacultura.com.br e acho que já está no Submarino e na Saraiva.

”Os Ecopiratas – Uma aventura em Fernando de Noronha”
Livro de Beto Junqueyra, com ilustrações de Eric Gerhard
Dia 14 de novembro, às 16h00, na Escola para Crianças Surdas Rio Branco
Rod. Raposo Tavares, 7200, km 24 - Granja Viana – São Paulo – SP
Auditório Niso Vianna (CEPRO) – Estacionamento no local
Fones: 4613-8478/8550 
 
Por  Flaviana Serafim

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva seu comentário abaixo e clique em "Nome" no Perfil (não é necessário colocar a URL).