27 de nov de 2009

NA 2ª FEIRA, AUDIÊNCIA PÚBLICA DEBATE PROJETO DE REAJUSTE DO IPTU

SOS São Paulo – A cidade em nossas mãos

É última chance do paulistano reclamar e pressionar pela não aprovação do aumento do imposto.

Foto: Gladstone Barreto. Clique para ampliar Segunda feira (30), às 15h00. Este é o dia e hora da audiência pública que vai discutir o polêmico projeto de lei do prefeito Gilberto Kassab para atualizar os valores do IPTU. O debate será o plenário 1º de Maio da Câmara Municipal (Viaduto Jacareí, 100 – 1º andar - República).

Caso a Planta Genérica de Valores (PGV) seja reajustada como propõe Kassab, o valor do imposto aumentará cerca de 40% para os imóveis residenciais, e até 60% para os comerciais. Por isso, participar dessa audiência pública é a última chance do paulistano mostrar que está insatisfeito com a medida. Depois, não adianta reclamar.

Na quarta-feira (25), o Projeto de Lei 720/09 já foi aprovado em 1ª votação, com 36 vereadores a favor e 17 contra o aumento do IPTU (clique aqui e saiba o voto do seu vererador). A 2ª votação está prevista para o dia 2 de dezembro.

Parte dos vereadores favoráveis à medida têm ressalvas a alguns pontos do projeto e devem apresentar suas propostas até a próxima semana. Porém, em entrevista ao programa CBN São Paulo (Rádio CBN), a vereadora Mara Gabrilli (PSDB) admitiu que o tema é complexo, e precisaria de mais tempo para ser estudado com detalhes.

Ela votou a favor, acompanhando a decisão da bancada tuana na Câmara. Mara discorda de alguns itens do projeto de Kassab. Por outro lado, destacou que, se transformada em lei, a medida aumentará em 20% o número de imóveis isentos de IPTU.

No blog do Milton Jung, é possível encontrar a opinião de alguns vereadores sobre a questão - graças não só ao trabalho da Rádio CBN, mas dos ouvintes conscientes, que estão procurando os parlamentares e pedindo que justifiquem seus votos perante a população.

Que tal procurar procurar o vereador de sua região, ou aquele que recebeu seu voto na eleição passada? Para contatá-los, por meio de e-mail ou diretamente na página pessoal, clique aqui.

Por Flaviana Serafim e Gladstone Barreto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva seu comentário abaixo e clique em "Nome" no Perfil (não é necessário colocar a URL).