9 de dez de 2009

CONTRA A CORRUPÇÃO, CADA UM DEVE FAZER SUA PARTE

SOS São Paulo – A cidade em nossas mãos

Para representante da ONU no Brasil, cada um deve fazer sua parte contra a corrupção

Neste Dia Internacional contra Corrupção, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, afirmou que a corrupção mina o estado de direito e compromete a segurança, informa a Rádio ONU. Ele alertou para os males do desvio de verba, como redução da construção de escolas, tratamento de água, hospitais e outras obras de infra-estrutura.

Para Bo Mathiasen, representante no Brasil do Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime, é importante que cada um faça sua parte contra a corrupção. "Muito tem a ver com a própria ética e o comportamento da pessoa, então nós podemos fazer pequenas contribuições. Por exemplo, nós não deveríamos incentivar qualquer tipo de suborno, pagar aquilo que chama-se 'cafezinho'. Nós deveríamos realmente ser honestos e corretos".

Ah, senhor Mathiasen! Se tu soubesses o trabalho fazer a nossa parte contra um simples “cafezinho”! Como representante da ONU no Brasil, Bo deveria propor um teste às ouvidorias de órgãos públicos.

Descobriria que o atendimento é uma droga e um crime contra o cidadão. E que muitas ouvidorias são meros enfeites, mais um espaço para o velho cabidão de empregos. Para combater a corrupção com bom humor, só vestindo trajes de palhaço mesmo.  

Leia também:
HOJE É O DIA INTERNACIONAL CONTRA A CORRUPÇÃO

"Les Clowns Musiciens", pintura de Bernard Buffet -

Leia também:
A VACINA CONTRA RAIVA, O FUNCIONÁRIO PÚBLICO E O “CAFEZINHO”
“CAFEZINHO” DOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS POR TODA CIDADE – VALE ATÉ “CAIXINHA PRÉ-DATADA”
E TOME “CAFEZINHO”: OUVIDORIA DA SAÚDE FAZ 1º CONTATO
COBRANÇA DE “CAIXINHA” NA COVISA: NENHUMA RESPOSTA DA OUVIDORIA DA SAÚDE
101 DIAS DEPOIS , NEM OUVIDORIA DA SAÚDE, NEM COVISA RESPONDERAM SOBRE COBRANÇA DE “CAIXINHA” POR FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS
“O CREDOR DA FAZENDA NACIONAL”, de 1866, CONTINUA ATUAL
DENÚNCIA NA COVISA COMPLETA TRÊS MESES E MEIO SEM RESPOSTA

Um comentário:

  1. A corrupção é como um câncer - se diagnosticada a tempo, o paciente terá uma sobrevida incrível e, de repente,terá a cura em definitivo. No Brasil, essa "doença" já se enraigou não só nas instituições que nos representam, mas, também, no inconsciente coletivo, tanto que somos acostumados à frase célebre do tal "jeitinho brasileiro"!!! Aíí eu é que pergunto: como tratar dessa metástase?

    the Osmar

    ResponderExcluir

Escreva seu comentário abaixo e clique em "Nome" no Perfil (não é necessário colocar a URL).